CNJ investiga 404 magistrados suspeitos de cometer infrações no país

noticia_41842

De acordo com a corregedoria do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), há 404 procedimentos que investigam infrações de magistrados em todo o país.

Segundo informações da Folha de S.Paulo, do total, onze deles têm como alvo ministros de tribunais superiores, como o STJ. Além de 223 desembargadores.

A corregedora Nancy Andrighi viu vinte casos com indícios concretos de faltas graves. Esses casos foram encaminhados ao plenário do CNJ para instauração de processos administrativos disciplinares.

Notícias ao Minuto