Pardal: aplicativo registra mais de 400 denúncias eleitorais em Alagoas

b8a3f57e-f9f7-4d5c-a23a-9732f9211dfb

O Pardal – sistema de denúncias via smartphone e web criado pela Justiça Eleitoral para facilitar as denúncias de crimes eleitorais, já conta com mais de 400 ocorrências em menos de um mês de funcionamento. A ferramenta foi disponibilizada pelo Tribunal Regional Eleitoral de Alagoas (TRE/AL) no dia 24 de agosto.

Maragogi lidera as denúncias por município, com 49 irregularidades registradas, seguida por Arapiraca (27), Maceió (26) e Água Branca (25).

O Pardal pode ser baixado gratuitamente na loja virtual para smartphones do sistema Android e IOS, e com o aplicativo, a irregularidade pode ser registrada através de fotografia ou vídeo, do próprio aparelho. Denúncias também podem ser realizadas via web, no site do TRE/AL (www.tre-al.jus.br), no link do Pardal.

As denúncias podem ser feitas anonimamente ou não e serão diretamente encaminhadas aos juízes eleitorais de Alagoas, responsáveis pelas diligências e apurações. Uma cópia também será encaminhada ao Ministério Público Federal (MPF) para que o órgão auxilie na apuração dos fatos. Caso hajam denúncias falsas, os magistrados adotarão as providências legais apropriadas junto aos órgãos da polícia judiciária e do Ministério Público.