Parque Municipal é opção de lazer em Maceió

23-1024x682

Situado no bairro de Bebedouro e com 38 anos de existência, o Parque Municipal é uma excelente alternativa para admirar a Mata Atlântica remanescente encravada no município, por vezes desconhecida pelos próprios maceioenses. Por ser uma Unidade de Conservação, o Parque possui características únicas desse bioma e a visitação fica condicionada a cuidado para a não degradação dele. A reserva fica aberta ao público de terça-feira a domingo, das 8h às 17h.

Para visitas monitoradas ou em grupo é necessário um agendamento prévio pelo e-mail [email protected], além dos telefones 3358-6232 e 988013651 para tirar dúvidas. Segundo a administração do Parque, cerca de duas mil pessoas visitam a Unidade de Conservação mensalmente. Ao entrar no espaço, o visitante é cadastrado pelo RG e CPF, recebe pulseira identificadora, além de ser acompanhado por guardas – quando solicitado.

Ao todo, são cinco trilhas acessíveis ao público: Trilha Cidadã, Trilha da Aventura, Trilha da Paz, Trilha do Pau Brasil e Trilha do Jacaré. É possível observar e beber a água que brota do solo em diversas localidades do Parque Municipal. Devido a ser o maior remanescente de Mata Atlântica, o único dentro da área urbana de Maceió, e um importante refúgio da flora e fauna, o Parque é visto como uma Unidade de Conservação desde 2000 quando foi instituído o Sistema de Unidades de Conservação (SNUC).

A diversidade é expressiva, destacando-se vários exemplares da flora, típica da Mata Atlântica e espécies da fauna, tais como: jacaré-de-papo-amarelo, frango d’água, tatu bola, cágado de barbicha, preguiça, sagui, gavião, falcão, coruja, raposa, quati, tamanduá mirim e uma variedade de cobras e demais pássaros e uma relação extensa de insetos, de todos os tamanhos, inclusive recentemente houve o registro da mariposa imperador (Thysania agrippina), tal espécie possui uma envergadura de 30 cm e só foi encontrada na Amazônia e no México.

Agência Maceió

28/07/16