Polícia faz busca na Prefeitura e comitê de candidato a prefeito em Rio Largo

Candidato apoiado pela prefeita estaria abastecendo veículos de campanha com recursos do município

i

Policiais civis e militares cumpriram nesta manhã, em Rio Largo — distante 30 km de Maceió —, mandado de busca e apreensão na prefeitura do município e no comitê de campanha do candidato a prefeito Pedro Vitor (PSC), que estaria uitilizando combustível da Secretaria Municipal de Educação para abastecer veículos de campanha eleitoral.

O mandado, expedido pela juiza Marcli Guimarães de Aguiar, da 15ª Zona Eleitoral de Rio Largo, também apreendeu documentos no posto de combustíveis onde os veículos eram abastecidos, bem como arquivos de imagens registrados pelo circuito interno de TV do estabelecimento.

De acordo com a denúncia formulada na Justiça Eleitoral, o candidato Pedro Vitor estaria se beneficiando da máquina administrativa, facilitada pela prefeitura de Rio Largo, cuja prefeita Maria Eliza Alves da Silva apoia a candidatura do representante do PSC.

Na operação desta manhã, os policiais também cumpriram mandado de busca e apreensão nas residências de José Renaldo Vilar e Manoel Cícero da Rocha, servidores do município.

“Não se trata aqui de imputação genérica, mas específica, singular e restrita, para que não persista na prática da suposta infração a ser apurada a seu tempo e modo, de forma a não macular o pleito eleitoral que se avizinha”, justificou a juiza Marcli Guimarães.

al1

23/09/16