Renan Filho garante que Fábrica da Pedra não será fechada

Em recente passagem pelo Sertão, o governador destacou a importância da indústria têxtil para o município e confirma outras ações para a região

Governador destacou papel da indústria têxtil para o desenvolvimento do Sertão. Divulgação
Governador destacou papel da indústria têxtil para o desenvolvimento do Sertão. Divulgação

Há mais de 100 anos produzindo e comercializando produtos com excelente padrão de qualidade e tecendo o desenvolvimento de Delmiro Gouveia, a indústria têxtil Fábrica da Pedra foi citada pelo governador Renan Filho, em sua recente passagem pelo Sertão, como importante atividade econômica para a região e garantiu que a indústria não será fechada.

De acordo com o chefe do Executivo estadual, trabalhar para gerar emprego no Sertão é primordial, proporcionando uma vida melhor e autônoma para a população.

“Garanto ao povo de Delmiro Gouveia que a Fábrica da Pedra não irá paralisar suas atividades. Participei da negociação e quitação do débito que a fábrica tem com a Companhia de Energia de Alagoas (Ceal) e possibilitamos, assim, a retomada de seu funcionamento”, anunciou Renan Filho.

A Fábrica da Pedra é crucial para o desenvolvimento, tanto da região do Alto Sertão, como de todo o Estado de Alagoas, assim como, para o crescimento do turismo e fortalecimento da agricultura familiar, sobretudo, quando é irrigada a partir do Canal do Sertão.

“Continuaremos realizando obras como a adutora do Alto Sertão, que já concluímos e entregamos para a população, a rodovia que liga Mata Grande ao município de Água Branca e a duplicação do trecho da BR-423 (Delmiro Gouveia) com a AL-220, no povoado Maria Bode. Estamos, desta forma, garantindo a geração de mais empregos, aumentando e dinamizando a economia da região” finalizou o governador.

A previsão é de que até o primeiro semestre de 2017, o governo do Estado entregue cerca de nove obras rodoviárias, além de outras ações para beneficiar a população alagoana.

Mayara Rocha – Agência Alagoas