Semana Nacional do Trânsito preza por diminuir o número de acidentes em Alagoas

Atividades deste ano em comemoração a semana são focadas para todos os integrantes do trânsito

82dfd0c213a08249e67f24e245085a83_l

Em abertura solene na manhã desta segunda-feira (19), a Semana Nacional de Trânsito em Alagoas teve início com o compromisso de conscientizar a sociedade sobre as responsabilidades que cada cidadão possui para construir um trânsito mais seguro. O evento ocorreu no auditório do Departamento Estadual de Trânsito de Alagoas (Detran/AL), com a presença do diretor-presidente da autarquia, Antônio Carlos Gouveia, autoridades do Estado e servidores do órgão.

Com o tema “Eu sou mais + 1 por um trânsito mais seguro”, as atividades deste ano em comemoração a semana são focadas para todos os integrantes do trânsito, incluindo os pedestres, ciclistas, motociclistas, passageiros e condutores. Durante toda a semana, ações educativas ocorrerão em escolas públicas e particulares, com apresentações de peças teatrais e ações de fiscalização.

A subchefe de educação para o trânsito e pedagoga, Ana Buarque, salientou a importância do tema escolhido para este ano, com a prioridade de ressaltar que todos os cidadãos são agentes determinantes para a diminuição dos riscos de acidentes.

“O Detran irá trabalhar durante toda a semana com ações que envolvam todos os atores do trânsito. Mas possuímos a consciência de que o trânsito não é feito unicamente em uma semana, a educação é um processo contínuo, não se trabalha trânsito em sete dias, se trabalha trânsito o ano inteiro. Esse tema foi muito importante, porque com ele conseguimos trabalhar a educação no trânsito para todos e provocar na sociedade o sentimento de respeito”, explicou Ana Buarque.

Durante a abertura, houve apresentações do Coral do Centro Universitário Cesmac e de alunas da Escola Estadual Josefa Cavalcante. A estudante Maine Ruthyelle, de 16 anos, recitou uma poesia no palco retratando as principais características do trânsito em Alagoas.

“A direção do colégio nos informou que estaria acontecendo este evento hoje e nos explicou a importância da Semana Nacional de Trânsito. Como eu gosto muito de fazer poesias, fiz algumas pesquisas sobre o trânsito aqui de Alagoas e escrevi um relato em forma de poema. Fiquei muito feliz em poder fazer parte desse momento e poder colaborar com esta semana”, enfatizou a jovem estudante.

Na ocasião, o diretor-presidente do órgão destacou o compromisso que o Detran/AL possui de promover uma mudança de comportamento com o intuito de preservar vidas e oferecer para todos um trânsito de qualidade.

“Conscientização, responsabilidade, compromisso e comprometimento são as palavras de ordem que a atual gestão possui. E a Semana Nacional de Trânsito traz essa reflexão, de que cada cidadão possui a responsabilidade de ser mais um por um trânsito mais seguro”, frisou Antonio Carlos Gouveia.

O órgão vem trabalhando diariamente, de acordo o diretor-presidente, “para que o cidadão se sinta seguro no trânsito, por isso intensificamos os trabalhos da Lei Seca nos municípios, criamos o “aulão” para aqueles que irão realizar a prova para obter a 1ª CNH, e os momentos de reciclagem. Construímos atividades que dêem resultados satisfatórios para a segurança no trânsito”.

A campanha publicitária que está sendo veiculada pela mídia em todo o Estado também foi apresentada durante a solenidade. De acordo com o representante da Chama Publicidade, Hermann Fernandes, o processo criativo para desenvolver a campanha foi baseado na necessidade de levar para cada pessoa o sentimento de que ela é um agente fundamental no trânsito.

“O grande desafio quando trabalhamos com esse tema, é essa necessidade de levar para cada cidadão de que ele é um agente do trânsito, é alertar as pessoas sobre as responsabilidades que todos possuem de ser um agente transformador, um agente que trabalha pela vida. Criamos quatro personagens, onde cada possui o seu papel, e a partir daí elaboramos os áudios (spots) para emissoras de rádios, banners para a web (sites) e peças para os veículos impressos (jornais e revistas)”, ressaltou o publicitário.

Maria Alliny Torres – Agência AL

19/09/16